O Teatro Lambe-Lambe

Esta nova Linguagem do Teatro de Animação, foi criada pelas atrizes-animadoras baianas Denise dos Santos e Ismine Lima no ano de 1989. A partir da observação dos antigos fotógrafos de rua, os chamados Lambe-Lambe e das necessidades de seu trabalho, tiveram a idéia de colocar um espetáculo dentro de uma caixa desse formato. A partir daí elas levaram esta linguagem para diversos festivais nacionais e internacionais de teatro encantando o público e os profissionais do teatro de animação.

O Teatro Lambe-Lambe consiste em peças de curta duração apresentadas dentro de uma pequena caixa cênica. Dentro destas caixas são encenadas pequenas histórias com a presença de pequenos bonecos e/ou objetos animados.  Em sua maioria, os espetáculos podem ser vistos por um espectador por vez, porém tal formato pode variar de acordo com a proposta de cada grupo ou bonequeiro.

A técnica do Teatro Lambe-Lambe utiliza uma pequena caixa cênica, portátil, dentro da qual é encenado um espetáculo, que em geral tem curta duração, com a utilização de bonecos ou outros objetos que são animados. Em geral, a caixa tem uma abertura na frente, por onde um único espectador de cada vez assiste ao espetáculo, uma abertura atrás ou em cima, que possibilita ao ator-animador ter visão do interior da caixa e duas aberturas laterais, que podem conter ou não uma luva, onde o ator-animador coloca as mãos para realizar a manipulação. Os orifícios da frente, de trás ou de cima da caixa, são cobertos por um pano negro, portanto tanto o espectador como o manipulador ficam com suas cabeças cobertas durante o espetáculo, este dispositivo tem a finalidade de impedir a entrada de luz externa dentro da caixa. A sonorização do espetáculo pode ser feita com material previamente gravado, que é veiculado através de um aparelho de som com utilização de fones de ouvido, ou ainda o ator-animador utiliza sua voz ao vivo para dar vida aos pequenos personagens.

Devido ao reduzido espaço cênico que é a caixa de Teatro Lambe-Lambe e a curta duração do espetáculo, todos os outros elementos que compõem esta manifestação artística devem ser concebidos ou adaptados em conformidade com esta especificidade. Os bonecos ou elementos cênicos utilizados em seu interior são de pequenas dimensões e de diversos feitios, construídos com os mais variados tipos de materiais ou também são utilizados bonecos e objetos manufaturados.